10.000€ parecem muito mas, representam muito pouco!

A conjuntura sendo favorável às lojas de proximidade, ou seja lojas perto de casa, que não obrigam a utilizar o carro para fazer as compras e que dão a sensação de menor submissão à tentação de comprar, é terrível ver uma multidão de lojas com uma faturação mensal da ordem dos 10.000€. 

10.000€ parecem muito mas, representam muito pouco! 

Tendo em conta um nível de margem bruta na ordem dos 20% e as despesas necessárias para que funcione uma loja ou seja, as despesas ligadas à energia, água, equipamento de transporte das mercadorias, meios informáticos e apoios técnicos inerentes e compra dos consumíveis informáticos…10.000€ representam pouco.

No quadro descrito, a remuneração do retalhista é comparável à remuneração de um empregado que ganha o salário mínimo. Não dá para fazer uma grande vida.

Há margem para que uma loja de bairro fature mais? 

Uma loja pode não estar bem localizada ou, ter perdido o seu mercado principal por várias razões já apontadas em outros “posts”. Nesses casos extremos, a solução, se os donos das lojas forem “comerciantes de verdade”, consiste em fechar a loja atual e abrir uma nova loja num sítio com características que permitam que o comércio vença.

No entanto, em muitos casos, aumentar a faturação de uma loja é possível. Como consultor, sei que é comum que uma loja reorganizada aumente a sua faturação de 20% a 30%. Queria sublinhar que o crescimento da faturação é, numa fase inicial, apenas a consequência de mais compras dos clientes habituais. Numa segunda fase, podemos dizer que clientes satisfeitos geram clientes novos através do passa-a-palavra.

Quem tem interesse no crescimento da faturação dos retalhistas de bairro? 

Eu diria que todos os intervenientes na cadeia de distribuição têm um interesse no favorecimento do maior escoamento possível. Todavia, convém realçar que são os próprios retalhistas e as organizações que os abastecem, e portanto que estão intimamente ligadas a eles, que deveriam estar em primeira linha. Claramente, se os retalhistas devem cuidar em primeiro do seu próprio negócio, as organizações grossistas ou cadeias de retalho devem também cuidar do elo que lhes é indispensável. 

O que devem fazer os retalhistas? 

Reorganizar a sua loja é o B-A-BA para a maior parte dos retalhistas com faturação baixa.

Reorganizar a loja quer dizer

– Definir um circuito que ajude os clientes a fazer as suas compras, rapidamente e facilmente;

– Definir um encadeamento correto das categorias de produtos que reforce o circuito previamente definido. O bom encadeamento permite que o cliente se lembre do que pode faltar em casa, sem grande esforço de memorização;

– Definir uma implantação correta dos produtos. As prateleiras devem raramente estar alinhadas numa loja de pequena dimensão. O número de prateleiras contribui para gerir o linear de exposição dos produtos de que dispõe uma loja e, o desnivelamento de prateleiras entre dois elementos permite realçar a presença dos segmentos de produtos e combate o efeito de “rotina”;

– Recusar a multiplicação de MDD (marcas de distribuição) num mesmo segmento de produtos;

– Redefinir o ambiente geral da loja removendo o teto falso que é um vestígio dos anos 90, hoje obsoleto, e colocando uma iluminação que realce a loja no seu conjunto, com rampas de luz perpendiculares às gôndolas para evitar zonas de sombra.

Estes passos são imperativos e não podem em caso algum serem substituídos por promoções e/ou folhetos. Não se pode tratar uma hemorragia com a aplicação de um penso rápido! 

Caixa de ferramentas de um retalhista

Para uma grande parte dos retalhistas que tem uma loja com baixa faturação, não mudar nada é sinónimo de aceitar ser um proletário do comércio a vida inteira.  

Além disso, como a VIDA tem horror do vazio, quem não muda corre o risco de ver aparecer um concorrente organizado que tratará de o matar de vez! 

Homem prevenido vale por dois! 

Boa reflexão e bom trabalho,

O seu sucesso está nas suas mãos! 

RB

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s